MPT/TPM – MANUTENÇÃO PRODUTIVA TOTAL


Uma metodologia de fácil entendimento e compreensão por todos os níveis da empresa, promovendo a aplicação efetiva com resultados surpreendentes. Alavanca um novo sistema de manutenção no sentido técnico, assim como, delega aos operadores a responsabilidade de conservação diária dos respectivos equipamentos. Qualquer empresa, de qualquer tamanho, pode melhorar com a implementação da TPM.

O TPM significa “Total Productive Management” e busca a eficiência máxima do Sistema de Produção com a participação de todos os funcionários.  Surgiu, há décadas, no Japão, e chegou aos Estados Unidos em 1987, tendo logo em seguida sido introduzido no Brasil, através de visitas do Dr. Seiichi Nakajima.  Segundo o Dr. Nakajima, a melhor prevenção contra quebras deve partir de um agente bem particular, o operador, daí a frase “Da minha máquina cuido eu”.

EMENTA:

  • Manutenção Produtiva Total - TPM: introdução, origem, objetivos, pilares de sustentação;
  • Perda;
  • Operação do TPM;
  • A evolução da Função do departamento de Manutenção com o TPM;
  • Manutenção autônoma;
  • Métodos para o desenvolvimento do controle visual;
  • Ciclo da qualidade no local de trabalho;
  • Melhorias individualizadas;
  • Manutenção planejada;
  • Introdução a Confiabilidade
  • Indicadores OEE, MTTR, MTBF.
  • Diagrama de Pareto;
  • Efeitos do TPM nos recursos humanos.

        MODALIDADE: TURMA AVULSA OU TURMA IN-COMPANY

        CARGA HORÁRIA TURMA AVULSA:  24 horas

        CARGA HORÁRIA TURMA IN-COMPANY: 20 horas